sábado, 14 de fevereiro de 2009

Igreja Católica Apostólica Romana de Taquarituba

A Igreja Católica Apostólica Romana de Taquarituba congrega o maior número de adeptos no município. A sua paróquia - de São Roque - foi desmembrada, em 8 de dezembro 1945, da paróquia de Nossa Senhora da Conceição de Itaberá. Em 20 de dezembro de 1949, foi instalada a paróquia de São Roque em Taquarituba pelo bispo Don José Carlos Aguirre que determinou que a Festa de criação fosse realizada dia 16 de Agosto.
Em 22 de Janeiro de 1950, foi realizada a solenidade de instalação da Paróquia de São Roque, com a presença do Bispo, do Prefeito Municipal Antônio da Silva Rodrigues; o prefeito de Itaberá, Antônio F. de Souza; os vigários de Itapeva, Itaberá, Tiete, Taquarituba; José Penna, e mais trinta e duas pessoas que assinaram a ata de criação. Na época era Cardeal Carlos Carmelo de V. Mota, presidente Eurico Gaspar Dutra e governador do Estado de São Paulo Ademar de Barros Filho.
Em Setembro de 1986 com a chegada do dinheiro da “Igreja Adventist" da Alemanha, que doou a verba total para a construção da igreja de São Vicente e sua casa paroquial. A sua 1a festa e leilões renderam Cr$106.937,78 (líquidos)que foram destinados para o acabamento da Igreja.
Em 1992 foi construído o Centro Social Urbano da Paróquia (onde tinha sido a antiga Casa Paroquial) na Praça São Roque, com verbas solicitadas à igreja alemã pelo Pe. Eugênio e um nova casa paroquial foi construída na Praça São Roque 81, ao lado da Caixa Econômica Estadual, na mesma Praça.
Em 2003 a “Conferência Vicentina” comemorou cem anos com uma festa de confraternização e comemoração dos confrades vicentinos.
A Igreja católica de Taquarituba, afiliada à Mitra Diocesana de Itapeva, além da igreja matriz da Praça São Roque, tem igreja nos seguintes bairros rurais e urbanos:
Igrejas católicas nos bairros rurais:
Lageado (Igreja Santa Cruz), Aleixos I, Aleixo II, Baianos, Barreiro, Barreiro II, Campos, Costas II, Costas I, Matão, Leites, Medonho, Muniz, Neves, Nunes, Palmeiras, Pedregulho, Pico, Porto, Queimadão ,
Soares, Soldeira e Várzea

Igrejas católicas nos bairros urbanos:
Jardim Ouro Branco, Santa Terezinha, Parque São Roque, Sangiácomo, Santa Rita, Santa Virginia, São Vicente.

Em 2005, o pároco iniciou a reforma interna da igreja Matriz, com a troca do piso, reforma das instalações elétricas, piso e altares, pela primeira vez após o termino da construção da Igreja em 1995, com doações e festas dos paroquianos. Os atos religiosos são realizados no Centro comunitário atrás da Igreja até o termino das obras.

Nenhum comentário:

Postar um comentário