segunda-feira, 25 de agosto de 2008

Voluntariado holandês em Taquarituba


No ano de 1971, o governo de São Paulo assinou um convênio com o governo holandês para a instalação da Holambra II(http://www.holambra.com.br/) possibilitando o trabalho do serviço de Voluntariado Holandês junto aos agricultores em Taquarituba e região da Cooperativa Imigração e Colonização Holambra II, localizada em Paranapanema, SP.
Estabeleceram nesta cidade dois técnicos agrícolas - Gerard Litwood e Roland Hoppman - e duas técnicas - Marita C. Verning (economista domestica) e Femme Davis (enfermeira/assistente social) que colaboraram com os serviços técnicos da Casa da Agricultura na zona rural. Eles preparavam e participavam do planejamento e execução de palestras, reuniões e cursos oferecidos aos agricultores do município.
Em 1973, a Casa da Agricultura motivou a introdução de frutas de clima subtropical e temperado em Taquarituba, para mostrar as novas fruteiras e novas técnicas.
Para tanto, foram feitas excursões a propriedades rurais que tinham pomares de pessegueiros, nectarineiras, ameixeiras. No sítio da família Kobayashi, em Valinhos, foi mostrada a cultura de nectarineiras e no sítio dos Irmãos Caji, em Atibaia, foi mostrado a primeira irrigação de gotejamento ainda por gravidade em nectarineiras e pessegueiros. Os voluntários G. Litiwood e R. Hopman também participaram dela.
Além de três agricultores de Taquarituba do bairro dos Nunes, dos Leites e Barra Grande, participaram dessas excursões Jan de Quay e Teodorus Kivitboth da Cooperativa Holambra II de Paranapanema e os voluntários holandeses Roland Hopman e Gerard Litwood.

Nenhum comentário:

Postar um comentário